26 de mai de 2011

(23/05/1932)


A morte é a curva da estrada,
Morrer é só não ser visto.
Se escuto, eu te oiço a passada
Existir como eu existo.

A terra é feita de céu.
A mentira não tem ninho.
Nunca ninguém se perdeu.
Tudo é verdade e caminho.


(Fernando Pessoa)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Uive à vontade...

Ocorreu um erro neste gadget