23 de nov de 2011

Yara


Noite clara,

e tua nudez
me declara

Yara,

minha imortal
toada mortal...


(Cássio D. Versus)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Uive à vontade...

Ocorreu um erro neste gadget